Manifestações a favor do atual governo do Brasil marcaram presença neste 7 de setembro em Barroso

Aconteceu na tarde desta terça-feira, feriado do dia 7 de setembro, uma série de manifestações pró- Bolsonaro por todo o país.Em Barroso, diversos cidadãos também se reuniram para prestar apoio ao atual governo em uma carreata que percorreu as principais ruas do município.

O cortejo teve início em uma concentração na Praça Sant’Ana com vários barrosenses usando roupas nas cores da bandeira do Brasil e empunhando cartazes e faixas. Dentre algumas das reivindicações dos manifestantes, está a aprovação do voto impresso e que os três poderes sigam a constituição.

Esta é a primeira carreata em Barroso em apoio a um presidente fora do período das eleições presidenciais. 

A reportagem da Rádio Liberdade FM conversou com Altair José, o Tatá, um dos organizadores da manifestação em Barroso, que ressaltou a importância e o motivo do evento para os apoiadores do presidente.

“A manifestação foi programada com base em tudo que estamos vendo na televisão e o que está  acontecendo com o governo Bolsonaro. Não estão deixando ele [presidente] trabalhar, é só pressão em cima dele. Ele está aí já com mais de dois anos de mandato e não tem nenhuma notícia de roubo e de corrupção e o que tinha nos governos anteriores era só corrupção. A gente vendo o que tá acontecendo, sentimos o desejo de liberdade que está coincidindo agora com dia 7 de setembro, e o Brasil está precisando de outra independência agora no século XXI, justamente por estes atos antidemocráticos do Supremo Tribunal Federal (TSF)” destacou Altair.

A reportagem também conversou com alguns dos manifestantes pró-governo. Segundo uma das apoiadoras, ela compareceu à manifestação pela liberdade, pela democracia e pela escola sem partido. “Estão fazendo muita arbitrariedade, pois estão prendendo um lado que fala a verdade e deixando o outro em liberdade” […] Eu quero uma vida boa para os meus netos. O comunismo que a gente vê no mundo é muito triste.  Eu prefiro o cristianismo, as pessoas terem liberdade de opinião e não serem exploradas” disse a manifestante.

Além disso, aconteceu pela manhã no trevo da cidade uma paralisação dos caminhoneiros que recebeu o apoio dos demais manifestantes a favor do governo.

“Tem tudo a ver pela liberdade do povo. Muitas pessoas questionam o porque eles não estão reivindicando gasolina e óleo Diesel mais barato. Isso também está dentro da pauta deles, mas primeiro tem que consertar Brasília. Não adianta nada hoje pressionar os governadores, pois eles são os responsáveis pelo preço do óleo Diesel, porque o ICM é dos governadores. Para mudar isso o presidente Jair Bolsonaro precisa de apoio não só hoje mas daqui para frente até que alguma coisa mude”, ressaltou Altair José.

Além da carreata, os manifestantes também ouviram os pronunciamentos dos organizadores do evento, a música Aleluia pela cantora Daniela Aielo e cantaram o Hino Nacional.

A Polícia Militar fez a frente e o fechamento da carreata com duas viaturas. De acordo com a PM não houve ocorrências de confronto e nada que pudesse colocar a integridade e a segurança dos manifestantes em risco.

Compartilhe essa notícia!

Receba nossas Notícias

Preencha os campos abaixo para receber Notícias, Promoções e Dicas em primeira mão no seu WhatsApp e E-mail.
Ao pressionar o botão "Quero Receber", você confirma que leu nossa Política de Privacidade.